domingo, 14 de junho de 2009

Humildade, você perdeu a sua?




Neste mundo de imagens, status e popularidades. Observei como é fácil em nossos dias perder a humildade, cair em deslumbramentos tolos. São tantas as possibilidades, qualquer um pode ler a "orelha" de um livro e comentar uma dúzia de clichês, frases de efeito que soam "conhecimento" aos ouvidos simplórios.
No meio acadêmico isso é constante, a vaidade, o conflito de egos faz com que alguns " doutos" não andem, mas levitem.
Sou a favor de dar mérito a quem mérito tem, mas há casos em que o auto-imagem de muitos está tão inflada que resta-nos apenas aos pobres mortais observar os deuses do Olimpo em suas disputadas de egos.
Onde é o Olimpo de nossos dias?


De uma passsada em comunidades de sites de relacionamentos, ou assista a alguns programas ditos cristãos, ou vá simplesmente ao shopping, (preferencialmente os mais badalados) é um festival de orgulho e arrogância sem precedentes.
Estes dias passeei por esta tal BLOGSFERA e vislumbrei um cenário bem estremado:
De um lado pessoas altamente conscientes de suas limitações e desejosos de ajudar.
e de outro, algumas demonstrações de soberbas que incluem desde a extensa lista de títulos até o destaque em negrito para o estado civil, sim, parece que ser casado é algo notório, que eleva a quem o é...
Creio que se além de negrito, itálico e sublinhado houvesse também neon, certamente seria utilizado...(rs)


É fácil permitir que suas poucas conquistas sejam elas em que área forem "subam a sua cabeça" como costumamos dizer, no entanto um policiamento de todos nós se faz de fato nescessário, pois tal qual um vírus, o deslumbramento é contagioso.
Eu mesma já fraguei-me com tal comportamento patético em comunidades virtuais, mas como em nossa vida tudo é aprendizado e nada se perde, aprendi boas lições, a preços altos, vale ressaltar.
Hoje procuro observar mais minhas atitudes, ouvir mais as pessoas e especialmente o que elas pensam de mim, não como forma de auto-renúncia, mas como exercício de humildade.


Sim, exercício porque creio que muitas de nossas virtudes são semeadas durante toda a vida, e a humildade é uma destas.
Lembrei-me de um colega de faculdade que trabalhava num tribunal, ele era administartivo e contou-nos que alguns advogados exigiam serem chamados de "doutores" ora pois, até onde sei doutor é quem faz ou melhor quem conclui o doutorado que afinal são bem poucos.
Usar finas jóias,roupas de marcas, adornar-se e perfumar-se é de pouca utilidade se o nariz é empinado demais, se somos incapazes de cumprimentar serviçais, se fazemos nítida distinção entre os que lideramos e os que nos lideram.

Por isso contemplei esta semana com o tema HUMILDADE
Solicito que votem na enquete, comentem as frases e imagens e fiquemos mais atentos á nossas atitudes esta semana.

" Lembra-te de que és pó e em pó hás de tornar." Gênesis 3:19

8 comentários:

Filépi - manosdown disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Katia Cristina disse...

Beta
Eu detesto essa palavra, pois tenho uma cunhada que a usa para justificar todo tipo de grosseria que ela faz.
Eu acredito que as pessoas tenham que ser generosas não humildes!
Basta dar uma passadas de olhos em um dicionário para perceber a diferença.
Ser generoso é compartilhar, ser humilde é ser ingênuo.
E, a maioria das pessoas que dizem que são humildes, na verdade não são.
Como dizia o Clodovil: “Humildade é coisa para gente tola”.

Maria Betânia disse...

Filépi, irei verificar, grata pela dica, eu conseguia acionar o play, mas com espremendo o mouse...rs

Maria Betânia disse...

Kati, entendo seu ponto de vista, pois de fato HUMILDADE é uma palavra que tornou-se dúbia em seu sentido, é comum as pessoas confundirem com ingenuidade.
O que entendo de humildade refere-se á questão de conhecermos nossas limitações,não nos julgarmos superiores, pois não o somos,
aprender as respeitar as pessoas como semelhantes.
Há pesssoas que se auto-denominam humildes, porém esta é uma virtude que deve ser apontada por outros e não por si mesmo, pois certamente quem o faz certamente não o é.
Quanto á Clodovil eu o admiro por sua capacidade de dizer frases bem sacadas, mas quanto á esta, se de fato a pronunciou, ele foi infeliz quando o fez.

Abraços.

Katia Cristina disse...

Não é à toa que eu gosto de vc. Antes de me apedrejar, tentou entender meu ponto de vista.
Eu realmente não gosto da palavra porque toda vez que a ouço é porque alguém está tentando justificar algum ato: “fiz isso porque sou humilde”, “converso com meu porteiro porque sou humilde e trato todos igualmente”.
Muitas vezes a própria pessoa não percebe o quão preconceituosa ela é, pois se fosse mesmo humilde nem precisaria falar isso.
Conheço uma criatura que estava sentada de vestido e com as pernas abertas ao ponto de ver a ponte Rio-Niterói e quando eu olhei e mostrei que era para fechar as pernas ela disse que “era humilde e não sabia sentar de vestido como eu. Ora bolas! Agora falta de educação é humildade?
Eu sou o tipo de pessoa que para você sair ao lado tem que estar com tempo, pois se tive que conversar converso com todo mundo sem perguntar a patente antes e nem por isso me julgo humilde, sou educada e normal!
Vai dar aulas na favela para ver se dá para discriminar alguém!

Maria Betânia disse...

É Kati, a palavra humildade acabou prestando-se a vários usos.
Diria até q ela se assemelha aquele caso de "modéstia á parte"...rs

cleusa disse...

"...Há pesssoas que se auto-denominam humildes, porém esta é uma virtude que deve ser apontada por outros e não por si mesmo, pois certamente quem o faz certamente não o é."

Beta disse exatamente o que eu penso sobre isso.

Parabéns pelo texto.

Maria Betânia disse...

Grata Cleu pelo comentário, de fato humildade é algo delicado em nossos dias e cultiva -la um de desafio.

Venha sempre ao Caleidoscópio.

Abraços Ébano.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...